Flamengo deixa a Libertadores de lado e pensa na Taça Rio

Clube rubro-negro quer o título da Taça Rio para conquistar o Campeonato Carioca por antecipação

Redação,

10 de abril de 2008 | 19h11

Saiu melhor do que a encomenda. O Flamengo foi a Cuzco, no Peru, atrás de um empate contra o Cienciano, pela Libertadores. Com a vitória por 3 a 0, na quarta-feira, o Rubro-Negro garantiu classificação antecipada no torneio continental e poderá dedicar-se exclusivamente à semifinal da Taça Rio contra o Botafogo, no domingo.Assim, até o cansaço da viagem não deverá ser um obstáculo tão grande. O objetivo do Flamengo, campeão da Taça Guanabara, é conquistar a Taça Rio e garantir o troféu do Estadual por antecipação, sem a necessidade de finais. "Vamos descansar bastante e relaxar", declarou Íbson, um dos melhores em campo contra o Cienciano. "Na sexta-feira, almoçaremos com a família e depois nos concentraremos. Será um jogo importante que pode nos dar o título por antecipação", comentou o meia, ignorando que ainda haverá uma final pela frente.Na tentativa de recuperar fisicamente os jogadores, o técnico Joel Santana dificilmente realizará coletivos ou treinos táticos puxados. É possível que repita a escalação vitoriosa de quarta-feira, mas Joel poderá voltar com Marcinho no lugar de Toró, recuando Renato Augusto para o meio."Fizemos um bom jogo. O primeiro tempo foi regular, mas fomos excelentes no segundo tempo", disse o treinador a respeito da partida contra os peruanos. "Vamos analisar o que é melhor para frente".

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.