Flamengo demite 150 funcionários

A diretoria do Flamengo anunciou nesta segunda-feira a demissão de 150 funcionários, alegando contenção de despesas. O clube já realizou uma assembléia, no mês passado, com a intenção de reduzir os salários, mas a tentativa não foi concretizada. Nas últimas semanas, a diretoria teve que contornar uma possível greve dos funcionários, mas conseguiu evita-lá. Na semana passada, o Flamengo recebeu uma quantia referente a venda do atacante Adriano. Com o dinheiro, o Rubro-Negro quitou alguns meses de salários atrasados dos jogadores e de alguns funcionários.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.