Flamengo e Atlético-MG iniciam duelo na Copa do Brasil

Flamengo e Atlético-MG iniciam duelo na Copa do Brasil

Com desfalques e muito mistério, time carioca recebe clube mineiro no Maracanã para a primeira partida da semifinal do torneio nacional

Estadão Conteúdo

29 de outubro de 2014 | 08h33

Vanderlei Luxemburgo tem dito que a prioridade do Flamengo na temporada é se garantir na Série A do Campeonato Brasileiro, mas é inegável que o treinador almeja, sim, o título da Copa do Brasil. Tanto que ele decidiu fechar o último treino antes da partida desta quarta-feira, às 22 horas, quando o time rubro-negro começa a decidir uma das semifinais da competição contra o Atlético Mineiro, no estádio do Maracanã, no Rio.

Na atividade desta terça, a imprensa só teve acesso aos últimos 15 minutos de treino, quando apenas alguns jogadores ainda estavam no gramado do CT Ninho do Urubu, na zona oeste da capital fluminense, treinando finalizações e cobranças de falta.

Como tem se tornado costume às vésperas de partidas decisivas, o técnico não revelou a escalação. É certo, porém, que ele terá que fazer duas mudanças em relação à equipe que tem sido titular, já que o zagueiro Marcelo está suspenso e o lateral-esquerdo Anderson Pico não pode atuar - ele já disputou a competição este ano pelo Novo Hamburgo-RS. Assim, a tendência é que Chicão volte à zaga e João Paulo reassuma a lateral.

No Atlético, o zagueiro Leonardo Silva e o atacante Jô participaram normalmente da atividade, mas não apareceram na lista de relacionados e, por isso, seguem fora da equipe. A maior expectativa estava sobre o primeiro, que se recuperou de uma lesão muscular na perna direita, após sete semanas afastado. O jogador voltou a treinar na última segunda, trabalhou mais uma vez nesta terça, mas o longo período longe dos gramados falou mais alto e o técnico Levir Culpi optou por esperar um pouco mais.

Jô também segue em busca de recuperar a sua melhor condição física, mas por motivos diferentes. Depois de um afastamento de 12 dias dos treinamentos por questões disciplinares, o atacante voltou recentemente a ser integrado ao grupo. Assim como o zagueiro, no entanto, segue fora diante do Flamengo.

Por conta de lesões, o Atlético segue repleto de desfalques como Réver, Pedro Botelho, Rafael Carioca, Leandro Donizete, Guilherme, entre outros.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.