André Veloso/Divulgação
André Veloso/Divulgação

Flamengo é campeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior 2011

Vitória por 2 a 1 sobre o Bahia no Pacaembu assegura segundo título do time carioca

AE, Agência Estado

25 de janeiro de 2011 | 12h01

SÃO PAULO - O Flamengo conquistou pela segunda vez o título da Copa São Paulo de Futebol Júnior ao vencer o Bahia por 2 a 1 na decisão, disputada na manhã desta terça-feira no Estádio do Pacaembu.

A equipe carioca repetiu o feito de 1990, quando levantou a taça após vencer o Juventus. Aquele time revelou jogadores que fariam grande sucesso posteriormente, como Júnior Baiano e Djalminha.

O estádio municipal recebeu grande público, que aproveitou a entrada franca, o feriado pelo 457.º aniversário da capital paulista e o sol forte. Os rubro-negros ocuparam boa parte das arquibancadas e das cadeiras numeradas, enquanto que os baianos encheram o tobogã.

A presidente flamenguista, Patrícia Amorim, e o técnico do time, Vanderlei Luxemburgo, acompanharam a partida das tribunas.

A equipe carioca saiu na frente logo aos sete minutos de jogo, com o zagueiro Frauches, que aproveitou sobra na área e bateu firme de pé esquerdo.

Aos 30, o mesmo Frauches cometeu pênalti ao acertar o peito do baiano Rafael, que, por sua vez, cobrou a infração com categoria. Na comemoração, o atacante pulou uma placa, caiu dentro do túnel e se machucou levemente.

O gol do título rubro-negro veio num outro pênalti, na etapa final. Aos 22 minutos, Thomas foi derrubado por Eduardo, que acabou expulso. O atacante Negueba, que já faz parte do elenco profissional do Flamengo, converteu a cobrança e recolocou o time em vantagem.

Nos acréscimos, o Bahia teve uma chance de ouro de levar o jogo para a prorrogação nos pés do lateral-esquerdo Laércio, que, recebeu livre na área e viu o goleiro César fazer difícil defesa.

O time carioca faturou o campeonato de forma invicta. Dos oito jogos que disputou, venceu cinco e empatou três - dos quais ganhou dois na disputa de pênaltis.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.