Divulgação
Divulgação

Flamengo é o 12.º clube a anunciar acerto com a Rede Globo

A equipe carioca não informou o tempo do contrato que terá início na temporada 2012

AE, Agência Estado

05 de abril de 2011 | 20h04

ATIBAIA - Equipe de maior torcida do Brasil, o Flamengo é o 12.º clube a fechar com a Rede Globo a venda dos direitos de transmissão dos seus jogos do Campeonato Brasileiro a partir de 2012. O breve anúncio do acordo foi dado no começo da noite desta terça-feira no site oficial rubro-negro.

O Flamengo não informou o tempo de contrato - a tendência indica quatro temporadas -, valores, nem abrangência do acordo fechado nesta manhã entre a presidente Patrícia Amorim e o diretor executivo da Globo Esportes, Marcelo de Campos Pinto. A minuta ainda será encaminhada ao Conselho Deliberativo do Flamengo antes de ser assinada.

Com o Flamengo, a Globo conclui negociação com cinco dos seis clubes que recebem as maiores cotas pelo contrato em vigor com o Clube dos 13 - Corinthians, Palmeiras, Vasco e Santos também fecharam. Só o São Paulo ainda não acertou.

Além disso, o acordo com o Flamengo faz com que a Globo reduza significantemente o poder de negociação da Rede Record com os demais clubes. A emissora paulista fez proposta formal e pública de R$ 100 milhões por ano, por cinco temporadas, a Flamengo e Corinthians, mas ambos recusaram. Sem poder contar com os dois, só tem mais oito clubes com quem negociar, apenas sendo que apenas cinco destes são sócios fundadores do Clube dos 13 (e têm maior apelo): São Paulo, Atlético-MG, Internacional, Botafogo e Fluminense.

INTERTEMPORADA - O atacante Ronaldinho Gaúcho treinou normalmente nesta terça-feira com o Flamengo, em Atibaia (SP), e deixou para trás as especulações sobre sua presença no clássico de domingo, com o Botafogo, pelo Campeonato Carioca. Ele reclamava de dores na perna direita, decorrentes de uma pancada sofrida no jogo de sábado, contra o Duque de Caxias.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.