Cesar Greco/ SE Palmeiras
Cesar Greco/ SE Palmeiras

Em estreia no Brasileirão, pressionados Palmeiras e Flamengo duelam no Maracanã

Donos do título brasileiro e da Libertadores se enfrentam com as duas torcidas exigindo melhor desempenho

Redação, O Estado de S.Paulo

30 de maio de 2021 | 05h00

De um lado o time mais vitorioso da temporada passada, mas que neste ano amargou o vice nas decisões da Recopa Sul-Americana, na Supercopa do Brasil e no Campeonato Paulista Sicredi 2021. Do outro, o atual bicampeão brasileiro que, apesar dos dois títulos obtidos em 2021 (Supercopa e Campeonato Carioca), desperta desconfiança da torcida pela irregularidade em campo. Apontados como principais favoritos ao título nacional, Flamengo e Palmeiras se enfrentam hoje, às 16h, no Maracanã, dispostos a confirmar o rótulo de postulantes à taça jogando um futebol eficiente.

Mais do que a rivalidade acirrada que se acentuou nos últimos anos, o clássico entre Flamengo e Palmeiras é o cartão de visitas ideal para medir a temperatura com que as equipes vão largar no campeonato. 

Dono de um temperamento explosivo na beira do campo, o técnico do Palmeiras, Abel Ferreira, teve uma boa notícia esta semana. Expulso na final da Supercopa contra o Flamengo, ele teria de cumprir a suspensão na primeira rodada do Campeonato Brasileiro. No entanto, o desfalque se transformou em reforço, já que o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) acatou o pedido de efeito suspensivo. Assim, ele vai orientar o time no Maracanã.

Desde que Abel chegou, o Palmeiras já marcou 100 gols – em 61 jogos. O português, porém, acha que o ataque do time ainda tem margem para evoluir. “Há espaço para melhorar, creio que isto é claro para todos. Pela juventude que temos, pela casca que vamos criando com vitórias e derrotas”, disse o treinador. “Como líder desta equipe, tenho de dizer o caminho e foco e continuar a dar o melhor de nós a cada dia, a cada treino, a cada jogo. Seja onde for, jogar para vencer.”

No Flamengo, mesmo amparado pelo título carioca conquistado em cima do arquirrival Fluminense, o técnico Rogério Ceni sabe que a paciência da torcida tem prazo de validade curto e um mau resultado na estreia do Brasileirão pode ser o início de uma pressão que não estava programada. A insatisfação dos torcedores rubro-negros é externada após cada jogo.

Para o confronto com o Palmeiras, o treinador vai contar com o retorno de Willian Arão na zaga e Bruno Henrique no ataque. Ambos ficaram de fora da partida contra o Vélez Sarsfield, quinta-feira, no Maracanã, porque estavam suspensos na Copa Libertadores.

O lateral-esquerdo Filipe Luís, que era dúvida, por conta do desgaste físico, está confirmado. Gerson, que está para ser negociado com o Olympique de Marselha, da França, também foi relacionado para o jogo por Rogério Ceni. Continuam no departamento médico Thiago Maia e César, em recuperação após cirurgia.

FICHA TÉCNICA

FLAMENGO X PALMEIRAS

FLAMENGO -  Diego Alves, Isla, Willian Arão, Rodrigo Caio e Filipe Luís; Diego, Gerson, Everton Ribeiro, Arrascaeta, Bruno Henrique e Gabigol. Técnico: Rogério Ceni.

PALMEIRAS - Weverton; Luan, Gustavo Gomez e Alan Empereur; Gabriel Menino (Mayke), Felipe Melo, Patrick de Paula, Raphael Veiga e Viña (Victor Luis); Rony e Luiz Adriano. Técnico: Abel Ferreira.

ÁRBITRO - Anderson Daronco (RS)

HORÁRIO - 16h

LOCAL - Maracanã (RJ)

NA TV - Globo e Pay-per-view

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.