Flamengo e Vasco buscam vaga na final da Taça Rio

Flamengo e Vasco buscam vaga na final da Taça Rio

Flamengo e Vasco disputam uma vaga para a final da Taça Rio, o segundo turno do Campeonato Carioca, neste domingo, às 16 horas, no Maracanã, com a esperança de que seus atacantes sejam decisivos. O vencedor do confronto vai enfrentar o Fluminense na decisão.

SÍLVIO BARSETTI, Agência Estado

11 de abril de 2010 | 09h31

No Flamengo, o técnico Andrade apostará todas as suas fichas no faro de gol de Vágner Love, artilheiro isolado do Campeonato Carioca, com 12 gols. E o seu poder de decisão ganhou ainda mais importância para o clube com o fato de o atacante Adriano ter sido vetado para o clássico no sábado, mais uma vez por causa das dores nas costas que o tiraram do duelo com o Universidad de Chile, na quinta-feira, pela Libertadores.

O técnico Andrade, não gostou da atuação da equipe no empate com o time chileno. Ficou irritado com a desatenção da defesa e com quem deveria ajudar na proteção à zaga. A tendência é que essa contrariedade resulte na barração de Kleberson. Maldonado é o mais cotado para ganhar a posição. Já para o lugar de Adriano, Bruno Mezenga é o favorito para herdar a vaga no ataque.

No Vasco, Dodô reconquistou a posição de titular após um mês conturbado, em que foi o alvo preferido da torcida por causa de dois pênaltis perdidos exatamente contra o Flamengo, no último jogo entre as duas equipes, em março. E é no atacante que o time aposta suas fichas. Se houver empate nos 90 minutos, a classificação será definida em cobranças de pênaltis. Dodô já adiantou que, nessa eventualidade, não gostaria de ser um dos escolhidos.

No clássico, o técnico Gaúcho aposta também no talento do meia Philippe Coutinho para ajudar Dodô a buscar a vitória. O garoto, de 17 anos, é o destaque do time no campeonato, chega bem ao ataque e sabe tabelar como poucos.

No caso de necessidade, a equipe de São Januário pode recorrer a Carlos Alberto, que estará no banco de reservas. O meia se recuperou de contusão na coxa esquerda, mas está sem as condições físicas ideais. Pode ser útil no segundo tempo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.