Flamengo empata com o Paraná por 1 a 1

O empate por 1 a 1 não foi bom para o Flamengo e o Paraná, em jogo disputado nesta quinta-feira, no Estádio Luso-Brasileiro, no Rio. A equipe paranaense deixou de alcançar a liderança do Campeonato Brasileiro, somando agora 33 pontos, dois a menos que o líder Corinthians, mas ficando na sexta posição. Já o time carioca continua a uma posição da zona de rebaixamento (18.º), com 20 pontos. No fim da partida, a torcida rubro-negra voltou a pedir a demissão do técnico Celso Roth.O Flamengo foi superior ao Paraná no primeiro tempo. Teve maior posse de bola, criou mais oportunidades de gol, mas pecou na hora de finalizar, algo muito comum neste Campeonato Brasileiro. O atacante Jean, mais uma vez, fez quase tudo certo. Driblou, ajudou na marcação, mas, por duas vezes, teve chance de balançar a rede adversária e errou na conclusão, para desespero da torcida. O Paraná não jogou bem, porém teve mérito de abrir o placar no seu único ataque na etapa inicial. O volante Mário César acertou um chute da entrada da área, após erro do lateral-esquerdo Diego, que perdeu bola dominada: 1 a 0, aos 5 minutos. O Flamengo deve agradecer ao goleiro Flávio pelo gol de empate. Ele falhou grosseiramente num chute despretensioso do lateral-direito Leonardo Moura: 1 a 1, aos 36. Na etapa final, o panorama não se alterou muito. O Flamengo atacava de forma insistente, mas esbarrava em suas limitações. Já o Paraná, se contentou com o empate, mas quase saiu com a vitória. Se não fosse o goleiro Diego, o meia Renato teria feito um gol contra de cabeça, depois de cobrança de escanteio. Sorte do Flamengo, azar do Paraná.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.