Alexandre Vidal/Estadão
Alexandre Vidal/Estadão

Flamengo enfrenta o Atlético-PR e busca regularidade

Os visitantes são os favoritos, mas os flamenguistas chegam confiantes no fator casa

LEONARDO MAIA, Agência Estado

19 de setembro de 2013 | 07h05

RIO - O Flamengo não consegue se desprender da zona de rebaixamento. O motivo é a inconsistência, retratada em números. A equipe vive de alternar vitórias (6), derrotas (7) e empates (8). Nesta gangorra, o time de Mano Menezes não avança na tabela de classificação. Tentará fazê-lo contra um adversário incômodo, o Atlético Paranaense, que vem ao estádio Maracanã, nesta quinta-feira, às 19h30, pela 22.ª rodada, na luta pelo título do Campeonato Brasileiro.

O duelo de rubro-negros confrontará um time que ficou 13 rodadas sem perder, série interrompida pelo líder Cruzeiro na última rodada, contra um que não consegue vencer duas partidas seguidas. Na análise fria, os visitantes são os favoritos, mas os flamenguistas chegam confiantes no fator casa. O rendimento do clube rubro-negro carioca no Maracanã é ótimo, com três vitórias e um empate.

A animar ainda mais o elenco, dois reforços consideráveis. O zagueiro Chicão retorna à zaga, ao lado de Wallace, recuperado de dores musculares. Mais importante, o volante-meia-atacante Elias, o grande curinga do time, também volta depois de cumprir suspensão.

Mas há desfalques. "O (goleiro) Felipe ainda sente um pouco de dor (no tornozelo direito). Não tem sentido colocar para jogar. O (lateral-direito) Léo Moura está na mesma situação. Sente um pouco de desconforto muscular", relatou Mano Menezes.

No time titular, uma mudança técnica. O meia-atacante Gabriel não vive bom momento, está sob forte contestação da torcida e será barrado. Rafinha deverá ser o escolhido como substituto. "Não gosto muito do termo ''preservado''. Procuramos fazer a melhor escolha para a equipe. Gabriel ficou fora, Paulinho ficou fora, Rafinha entrou e saiu. Vamos fazer a melhor escolha, mas sem mudar o sistema de jogar", disse o técnico.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoFlamengo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.