Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Flamengo enfrenta o Coritiba para deixar últimos lugares

Time carioca é o vice-lanterna, enquanto que o paranaense ocupa o último lugar; Luxemburgo reconhece o momento complicado

Julio Cesar Lima, Estadão Conteúdo

17 de agosto de 2014 | 08h32

Coritiba e Flamengo fazem um "jogo dos desesperados" neste domingo, 17, no estádio Couto Pereira, em Curitiba, pela 15.ª rodada do Campeonato Brasileiro - o time carioca é o vice-lanterna, enquanto que o paranaense ocupa o último lugar. O técnico Vanderlei Luxemburgo vai dirigir a equipe pela quinta vez nesta competição. Até agora, são duas vitórias e duas derrotas. Ele reconhece o momento complicado, mas está confiante na recuperação.

"Se tivéssemos uma equipe pronta e de muita qualidade, estaríamos na parte de cima da tabela e disputando o título. Temos de jogar pela vitória, mas se não der, que seja empate. A realidade do Flamengo é essa, nua e crua", afirmou o técnico, para depois apontar a evolução do time. "Estamos encorpando como equipe. Contra o Sport (último jogo) foi assim e queremos que continue. E para vencer basta treinar muito e isso nós estamos fazendo", disse.

Autor do gol da última vitória do Flamengo, Eduardo da Silva deve ganhar uma vaga entre os titulares no lugar de Paulinho, contundido. Os volantes Cáceres, suspenso, e Luiz Antônio, que não treinou em boa parte da semana por estar envolvido em uma investigação policial, não jogam. Em seus lugares entram Marcio Araújo e o jovem Recife.

O Flamengo tem 13 pontos na competição; o Coritiba, 12. O vencedor do jogo terá a chance de escapar momentaneamente da zona de rebaixamento, dependendo do desempenho das equipes que estão acima na tabela de classificação. O Coritiba aposta no fator casa para ganhar o confronto direto e ultrapassar o rival

Mas o time paranaense terá um importante desfalque para esse jogo decisivo. Capitão do time, o meia Alex está contundido e não joga, dando lugar para Dudu. O técnico Celso Roth também não poderá contar o zagueiro Wellinton, que fica fora por motivo contratual - o Flamengo é detentor dos direitos federativos do atleta.

O zagueiro Leandro Almeida, que foi liberado pelo departamento médico, deve ser o substituto de Wellinton, mas Bonfim também pode ganhar uma nova chance. Na frente, a dúvida fica sobre o eventual companheiro de Zé Love. Keirrison é o favorito, mas Martinuccio treinou bem na semana e pode ganhar a vaga. 

Segundo o goleiro Vanderlei, o time tem a obrigação de vencer neste domingo, para deixar a lanterna e recuperar a confiança da torcida. "Nós sabemos que teremos um jogo um pouco tenso, o Flamengo é uma grande equipe, vai querer segurar a gente e precisa ser respeitada, mas nós queremos vencer e sair disso. O objetivo é vencer para ganhar a confiança da torcida", disse.

Tudo o que sabemos sobre:
FutebolBrasileirãoFlamengoCoritiba

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.