Flamengo enfrenta o lanterna para afastar a má fase

Sem vencer há sete partidas e sob ameaça de rebaixamento, o Flamengo tenta neste domingo afastar a má fase que já deixa em situação delicada o técnico Dorival Junior, o terceiro a dirigir o time na temporada. O adversário, às 16 horas, no estádio Serra Dourada, em Goiânia, pela 26.ª rodada, é o lanterna do Campeonato Brasileiro, o Atlético Goianiense, uma equipe combalida até a semana passada, quando venceu o líder Fluminense, no Rio de Janeiro, e ganhou novo ânimo para se livrar da queda.

SÍLVIO BARSETTI, Agência Estado

23 de setembro de 2012 | 09h18

Com pressa na recuperação da equipe, Dorival Júnior pediu reforços e um deles já pode estrear neste domingo - o meia Cléber Santana, recém-contratado ao Avaí. Treinou com desembaraço na última sexta-feira e, segundo o treinador, deu mais qualidade de passe ao meio de campo.

O técnico alertou o grupo sobre a importância de uma vitória no confronto contra os goianos. Até para evitar que o adversário cresça na competição e possa sair da zona de rebaixamento nas próximas rodadas. Mais do que isso, ele frisou, estará em jogo o resgate da confiança da torcida e dos atletas, o que será alcançado com um bom resultado.

"Já tivemos uma atuação muito boa no último jogo contra o Grêmio, terceiro colocado no Brasileiro. Depois de um momento de instabilidade, acho que o Flamengo está se reencontrando. É preciso paciência e trabalho, muito trabalho", declarou Dorival. Ele não vai contar com Leonardo Moura, que cumpre suspensão por ter recebido o terceiro cartão amarelo.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoFlamengo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.