Flamengo enfrenta o Madureira com o melhor time possível

Técnico Joel Santana tem algumas dúvidas, mas deve escalar os melhores para vencer e se classificar

Leonardo Maia, Agência Estado

28 de março de 2008 | 21h16

O técnico Joel Santana não faz mistério sobre a escalação doFlamengo para enfrentar o Madureira, neste sábado, às 16 horas, no Maracanã, pela sétima e penúltima rodada da Taça Rio, segundo turno do Estadual do Rio. Com 15 pontos no Grupo A, o time flamenguista precisa apenas de um empate para garantir matematicamente a classificação às semifinais do returno do Campeonato Carioca. E terá praticamente força máxima em campo.Como ainda precisa garantir a classificação, Joel decidiu que não irá poupar os titulares. "Tenho alguns problemas, como o Souza (contusão no joelho direito) e vou pensar ainda se escalo o Maxi, o Obina ou o Tardelli em seu lugar. Também estou com dúvida entre o Toró e o Kleberson, o resto é o mesmo time (que goleou o Friburguense por 4 a 1, quarta-feira, na última rodada da Taça Rio)", disse o treinador.Ao escalar força máxima, Joel também pretende utilizar a partida deste sábado como o acerto final para o importante jogo que o Flamengo fará contra o Cienciano, no Peru, no dia 9 de abril, pela Libertadores.No planejamento flamenguista, a idéia é assegurar a vaga nas semifinais já neste sábado para poder enfrentar o Vasco, no dia 6 de abril, com o time reserva - aí sim, poupando os titulares para a Libertadores. Joel defende a decisão de jogar o clássico sem a força máxima, e não acha que isso afeta a imagem do Campeonato Carioca. "Levamos todos as partidas a sério, independentemente do time que estejamos enfrentando, em respeito à credibilidade do campeonato", avisou o treinador.Na opinião do zagueiro Fábio Luciano, o Flamengo conquistou o direito de tomar tal atitude, se realmente poupar os titulares na última rodada, contra o Vasco. "Encaramos todos os adversários como se fossem Fluminense, Vasco ou Botafogo. Sabíamos que não tropeçar contra os pequenos era garantia de conseguir a classificação antecipada", admitiu o capitão flamenguista.Enquanto o Flamengo está com a vaga praticamente garantida, o Madureira ainda tem chances de classificação para as semifinais da Taça Rio. Mas é muito difícil chegar lá. Com nove pontos no Grupo B, o time precisaria golear Flamengo e Fluminense, seus dois próximos adversários, e ainda torcer por duas derrotas do Vasco nesta reta final.

Tudo o que sabemos sobre:
FlamengoEstadual do Rio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.