Flamengo erra tudo até em treinamento

O último coletivo do Flamengo antes do clássico com o Vasco, neste domingo, em Volta Redonda, não foi bom. A equipe titular repetiu o que vem fazendo nos últimos jogos do Campeonato Brasileiro: faltou criatividade no meio-de-campo, errou vários passes e finalizou mal. Quem assistiu ao treino foi o presidente em exercício, Arthur Rocha, que primeiramente desconversou sobre uma possível demissão do técnico Celso Roth caso o Flamengo não vença o Vasco. "Hoje, ele é o técnico", declarou. Depois de tanta insistência dos jornalistas no mesmo tema, o dirigente falou. "Ele não será demitido nem se a equipe perder". Arthur Rocha também disse que a política de contratações do clube mudou. "Hoje o plantel está montado, equilibrado, só falta cada um confiar mais em si. A partir de agora, a diretoria tem que ser seletiva na hora de contratar".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.