Gilvan de Souza / Flamengo
Gilvan de Souza / Flamengo

Flamengo estreia na Taça Rio contra o Madureira após faturar título

Diego Alves é confirmado entre os titulares e Cuéllar não é relacionado

Estadão Conteúdo

21 de fevereiro de 2018 | 07h26

Três dias depois de se sagrar campeão da Taça Guanabara ao vencer o Boavista na final, o Flamengo estreia na Taça Rio, o segundo turno do Campeonato Carioca. Nesta quarta-feira, o time comandado por Paulo César Carpegiani recebe o Madureira, a partir das 19h30, no Engenhão.

+ Clássico de sábado entre Fluminense e Flamengo será na Arena Pantanal

+ Após título, Diego prevê temporada vitoriosa no Flamengo: 'Não podemos regredir'

O Flamengo ainda não sabe o que é perder no Estadual. Na campanha do título, o time teve seis vitórias e apenas um empate. Por outro lado, o Madureira vai em busca do primeiro resultado positivo, já que na Taça Guanabara empatou três jogos e perdeu os outros dois.

Apesar de já estar garantido na semifinal do Carioca devido ao título da Taça Guanabara, o Flamengo não deve poupar jogadores nessas duas primeiras rodadas porque o técnico Paulo Cesar Carpegiani quer observar o time para o jogo do próximo dia 28, contra o River Plate, em sua estreia na Copa Libertadores.

Recuperado de uma fratura na clavícula sofrida em novembro do ano passado, o goleiro Diego Alves treinou normalmente e está confirmado no lugar do jovem César. A intenção de Carpegiani é que ele ganhe ritmo de jogo para depois enfrentar o River.

Como vai ser desfalque nos primeiros dois jogos da Libertadores por estar suspenso, o volante Cuéllar sequer foi relacionado pelo treinador, que vai testar os possíveis substitutos do colombiano. Jonas é quem ganha uma oportunidade entre os titulares.

Para buscar a sua primeira vitória na temporada, o Madureira aposta em velhos conhecidos da torcida para surpreender, como o zagueiro Thiago Medeiros, o meia Léo Lima e o atacante Souza. Outro que tem história na Gávea é o técnico Djair, que conquistou o Estadual de 1996 pelo Flamengo. A baixa vai ser o volante William, que está suspenso pelo terceiro cartão amarelo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.