Flamengo evita falar sobre futuro de Caio Júnior

Pelo menos até domingo, a diretoria do Flamengo se nega a falar sobre uma possível troca da comissão técnica para 2009. Ainda resta uma esperança para o treinador Caio Júnior, que não sabe se ficará no clube. Somente a classificação para a Taça Libertadores deve mantê-lo na Gávea, tamanha é a pressão para a sua saída. Para disputar a Libertadores no ano que vem, o Flamengo precisa vencer o Atlético Paranaense, na Arena da Baixada, e contar com tropeço de Palmeiras ou Cruzeiro. "A temporada de 2009 só será planejada e pensada após o jogo contra o Atlético-PR", disse vice-presidente de futebol do Rubro-Negro, Kléber Leite.Sobre o possível interesse do Flamengo em Cuca, o dirigente garantiu que não teve contato com nenhum treinador. "Seria um desrespeito com o Caio Júnior", emendou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.