Gilvan De Souza / Flamengo
Gilvan De Souza / Flamengo

Flamengo inscreve reforços, mas mantém Guerrero na lista da Libertadores

Clube fez quatro alterações, tirando os jogadores que saíram na janela de transferências

Estadão Conteúdo

07 Agosto 2018 | 13h33

Um dia antes de entrar em campo para o jogo de ida das oitavas de final da Copa Libertadores contra o Cruzeiro, no Maracanã, o Flamengo atualizou a sua lista de inscritos na competição. O clube incluiu, nesta terça-feira, os atletas recém-contratados, mas ainda manteve o centroavante Paolo Guerrero.

Agora, então, o técnico Maurício Barbieri poderá utilizar na Copa Libertadores os atacantes Uribe e Vitinho e o volante Piris da Mota, todos eles reforços anunciados nas últimas semanas pelo Flamengo. Além disso, o clube também incluiu o meia-atacante Matheus Sávio, que atuou por empréstimo pelo português Estoril no primeiro semestre, mas retornou recentemente.

Para incluir esses jogadores, o Flamengo retirou outros quatro da sua lista inicial de inscritos na Libertadores. E todos esses jogadores deixaram o clube. São eles: Everton (se transferiu ao São Paulo), Vinicius Junior (Real Madrid), Felipe Vizeu (Udinese) e Jonas (Al-Ittihad).

O Flamengo ainda tinha o direito ter realizado uma quinta alteração na lista de inscritos, mas não o fez. E ela poderia, inclusive, envolver o centroavante Guerrero, que está em fim de contrato e não deverá permanecer no clube da Gávea. De qualquer forma, duas mudanças poderão ser realizadas nas quartas de final, caso o time carioca avance na competição.


Confira como ficou a relação de inscritos do Flamengo na Libertadores:

Goleiros: Diego Alves, César e Thiago.

Laterais: Rodinei, Renê, Trauco, Pará e Kleber.

Zagueiros: Rhodolfo, Juan, Réver, Léo Duarte e Thuler.

Volantes: Willian Arão, Cuéllar, Piris da Motta, Ronaldo, Jean Lucas e Rômulo.

Meias: Everton Ribeiro, Diego, Lucas Paquetá e Matheus Savio.

Atacantes: Guerrero, Marlos Moreno, Fernando Uribe, Henrique Dourado, Geuvânio, Lincoln e Vitinho.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.