Flamengo não terá Rodrigo Caio, Hugo e Rodrigo Muniz diante do Corinthians

Flamengo não terá Rodrigo Caio, Hugo e Rodrigo Muniz diante do Corinthians

Flamengo jogará com quase toda a força máxima na Neo Química Arena diante do Corinthians

Redação, Estadão Conteúdo

31 de julho de 2021 | 20h26

O Flamengo jogará com quase toda a força máxima na Neo Química Arena diante do Corinthians, neste domingo. Querendo caminhar sempre perto dos líderes do Brasileirão, Renato Gaúcho relacionou o que tem de melhor. Apenas o zagueiro Rodrigo Caio será ausência da equipe principal, por trabalho de fortalecimento muscular. Opções, Hugo Moura e Rodrigo Muniz serão ausência após apresentarem casos de gripe. O atacante foi diagnosticado com covid-19.

Rodrigo Caio, Gustavo Henrique e Filipe Luís foram poupados diante do ABC, pela Copa do Brasil, quinta-feira, justamente para o Flamengo ter a defesa completa diante do Corinthians, que necessita de vitória e promete arriscar diante dos cariocas.

Mas, Renato acabou vendo Rodrigo Caio acusar desconforto muscular - já havia sido desfalques em alguns jogos pelo mesmo problema - e vai ficar sem o defensor não apenas em Itaquera, mas por mais alguns jogos. "O atleta Rodrigo Caio fará um trabalho de reequilíbrio biomecânico e muscular nas próximas semanas", informou o Flamengo.

Hugo Souza, reserva de Diego Alves, e Rodrigo Muniz, negociando sua ida para o futebol inglês, não viajaram com o elenco após apresentarem casos de gripe e exames confirmarem a covid-19. Ficarão em isolamento e o atacante nem deve fazer um jogo de despedida.

"Com sintomas de gripe, o atleta Hugo não foi relacionado. Exames realizados neste sábado descartaram covid-19", anunciou o Flamengo, aliviado. Já o atacante teve o vírus detectado. "O atleta Rodrigo Muniz foi diagnosticado com covid-19, em exame realizado ontem (sexta-feira)."

Com 23 nomes relacionados, Renato Gaúcho deve escalar o Flamengo com Diego Alves; Isla, Gustavo Henrique, Léo Pereira e Filipe Luís; Willian Arão, Diego, Everton Ribeiro e Arrascaeta; Bruno Henrique e Gabriel Barbosa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.