Marcelo Cortes/Flamengo
Marcelo Cortes/Flamengo

Flamengo oficializa acerto com Pedro: 'Feliz demais por estar de volta'

Atacante revelado pelo Fluminense assina empréstimo de um ano com o aval da Fiorentina, da Itália

Redação, Estadão Conteúdo

23 de janeiro de 2020 | 11h38

A diretoria do Flamengo confirmou nesta quinta-feira mais um reforço para a nova temporada. O atacante Pedro, ex-Fluminense, foi oficializado pelo clube carioca por empréstimo de um ano. A diretoria deve desembolsar 1 milhão de euros (cerca de R$ 4,65 milhões) à Fiorentina, dona dos direitos do jogador de 22 anos.

"Feliz demais por estar de volta! Vamos juntos, NAÇÃO!", disse o atleta, nas redes sociais. Pedro se refere a sua breve passagem pela base do time rubro-negro, quando teve pouco espaço e foi dispensado. Acabou buscando vaga na base do Fluminense, onde ganhou oportunidade na equipe profissional e se destacou nos últimos dois anos.

"Voei alto da Itália pro Brasil, cheguei com chuva, evolui aos poucos na bateria de exames, documentos chegaram. Vamos juntos", disse o jogador, que vinha anunciando o passo a passo de sua negociação com o Flamengo nos últimos dias.

Como aconteceu com a negociação, clube e jogador divulgaram bastante o acerto. Nas redes sociais do Fla, foram publicados seguidos vídeos sobre o atleta, que apareceu até cantando. Em outro, faz reverência diante de uma estátua de Zico no CT Ninho do Urubu.  

A oficialização do acerto com Pedro dá sequência a uma movimentada semana no Flamengo. Desde segunda, o clube confirmou as contratações do atacante Michael e do volante Thiago Maia. Também anunciou a transferência do jovem atacante Reinier ao Real Madrid.

Antes, o clube contratara o zagueiro Gustavo Henrique e o atacante Pedro Rocha. Agora, portanto, a torcida está na expectativa para a eventual renovação do contrato de Gabriel, que pode ser adquirido em definitivo junto à Inter de Milão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.