Flamengo põe semestre em jogo contra Caracas

Pressão total sobre o técnico Andrade e o Flamengo. O primeiro semestre flamenguista estará em jogo nesta quarta-feira, quando o time enfrenta o Caracas, da Venezuela, a partir das 21h50, no Maracanã, pela última rodada da fase de grupos da Libertadores.

LEONARDO MAIA, Agência Estado

21 de abril de 2010 | 08h23

Recém-saído da derrota na final da Taça Rio para o Botafogo, o Flamengo precisa vencer o já eliminado Caracas e ainda torcer por uma combinação de resultados para avançar às oitavas de final da Libertadores. Em caso de tropeço, estará eliminado.

O Flamengo está em segundo lugar no Grupo 8 da Libertadores, com sete pontos. A primeira posição, que daria vaga automática nas oitavas de final, já está nas mãos da Universidad de Chile. Assim, a esperança flamenguista é avançar como um dos seis melhores segundos colocados.

O resultado desta quarta-feira afeta diretamente Andrade, que deve ser demitido em caso de fracasso na Libertadores. E o elenco flamenguista também está ameaçado com uma reformulação geral antes do Brasileirão. Por isso, vencer o Caracas vale muito para o Flamengo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.