Flamengo preocupado com queda de rendimento no Brasileirão

Caio Júnior quer reação dos jogadores para os confrontos decisivos contra Botafogo, Palmeiras e Cruzeiro

Leonardo Maia, O Estado de S. Paulo

24 de julho de 2008 | 19h15

Os últimos resultados não são animadores: um ponto conquistado nos últimos nove disputados. E as coisas vão continuar difíceis para o Flamengo, que inicia uma difícil série de três partidas com muitas interrogações pela frente. O primeiro desafio é no domingo, o clássico contra o Botafogo, que vive momento de ascensão no Campeonato Brasileiro, e o técnico Caio Júnior tem vários desfalques e dúvidas na cabeça para montar sua equipe. Em seguida, o time enfrenta o Palmeiras, em São Paulo, e o Cruzeiro - todos brigando pelas primeiras posições. "Vamos ter uma semana muito complicada, a começar com o Botafogo, que vem crescendo. Serão jogos muito importantes e complicados", diz Caio, que precisará encontrar substitutos para o goleiro Bruno, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, e para o meia Diego Tardelli, que foi expulso no empate em 2 a 2 com a Portuguesa. Para piorar, foi noticiado pela imprensa grega nesta quinta-feira que o Panathinaikos estaria interessado em contratar o atacante Souza, por pouco mais de R$ 6 milhões. O empresário de Souza é o mesmo que levou Gabriel, do Fluminense, para o clube da Grécia, que conta ainda com os volantes brasileiros Marcelo Mattos e Gilberto Silva. A vida do treinador rubro-negro poderia estar mais fácil se ele soubesse com quem poderá contar para o duelo contra o Botafogo. Toró e Kleberson, que não atuam há quatro partidas com problemas musculares, ainda são dúvidas. Para a vaga de Bruno, Diego é o substituto natural. E no posto de Tardelli, Caio poderá optar por Jônatas, reforçando o meio-de-campo, ou pelo argentino Maxi, mais uma vez buscando o homem que possa fazer uma ligação eficiente entre o setor e o ataque. "Tenho de encontrar alguém para a posição do Tardelli", admite um confuso Caio Júnior, que não quer colocar o jovem Erick Flores na fogueira. "O Jônatas não foi bem nessa função contra o Vitória, e temos de preservar o Erick."

Tudo o que sabemos sobre:
FlamengoBrasileirão Série A

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.