Flamengo quer aprender a ganhar sem Felipe

O Flamengo não contará com a sua principal estrela para o jogo deste sábado contra a Ponte Preta, às 16 horas, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro, no primeiro dos 16 confrontos a serem realizados no recém-reformado Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda. E o motivo não é profissional nem de contusão. O meia Felipe se casou nesta sexta-feira à noite com a advogada Carla, e, como havia combinado com a comissão técnica durante a semana, foi dispensado. O atleta se apresentará domingo à noite para a seleção brasileira, que enfrentará na quarta-feira a Hungria, em Budapeste. Com isso, desfalcará a equipe titular na partida contra o Paraná, no Estádio Pinheirão, que ocorrerá na quinta-feira (dia seguinte), em Curitiba. Para piorar, o retrospecto do Flamengo neste ano sem o jogador é muito ruim. Durante a segunda fase do Campeonato Carioca, Felipe não atuou em quatro partidas - dois empates com Americano e Bangu e derrota para Olaria e Vasco. A única vitória da equipe carioca sem a participação do seu principal atleta ocorreu num jogo da Copa do Brasil, contra o Santa Cruz. Questionado sobre o que classificou como ?Felipe-dependência?, o técnico do Flamengo, Abel Braga, chegou a admitir a discrepância nas atuações da equipe com e sem o atleta, o melhor jogador do Carioca. Para o jogo deste sábado, que promete lotar o moderno Estádio Raulino de Oliveira, onde a equipe carioca receberá R$ 100 mil a cada partida, o treinador disse não ter desculpas caso o time não vença a Ponte Preta, adversário que comandou e ajudou a escapar do descenso, ano passado, no Brasileiro."Temos que aprender a ganhar sem o Felipe. Estamos preparados e vamos para dentro do adversário", afirmou Abel Braga, sem esconder seu jeito explosivo e vibrante. Com a ausência de Felipe, segundo opinião do treinador rubro-negro, a tendência é que Diogo atue ao lado de Jean no ataque. O volante Da Silva vai ser mantido na equipe, apesar dos elogios do treinador para o promissor Róbson. "O garoto (Róbson) está jogando muito bem. Deve ser melhor observado", concluiu Abel.

Agencia Estado,

23 de abril de 2004 | 19h23

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.