Flamengo quer Reinaldo de volta

O ex-superintendente de Futebol do Flamengo, Walter Srour, se despediu nesta sexta-feira dos jogadores do clube. Ele pediu demissão do cargo por causa das constantes acusações de corrupção contra a atual diretoria. O ex-dirigente disse que viaja para Paris na próxima semana com o objetivo de tratar de assuntos envolvendo o passe do atacante Reinaldo. O Flamengo havia vendido o jogador para o Paris Saint-Germain, mas o emprestou para o São Paulo. Como o clube tinha dado o passe do atleta como garantia ao Corinthians pela compra do atacante Edílson, Reinaldo não poderia ter sido negociado e Srour vai conversar com o time parisiense e tentar uma solução para a problemática situação. "O principal objetivo da viagem é o de resolver problemas com os documentos do Reinaldo", disse Srour. Ele vai viajar como colaborador do presidente Edmundo dos Santos Silva e disse que vai conversar com o jogador para tentar o seu retorno ao Rubro-Negro. "O São Paulo fez uma boa proposta, mas ele adora o Flamengo e pretendo conversar com ele", revelou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.