Flamengo retoma treinos sem Guerrero, Emerson e Jorge

O Flamengo retomou os treinos nesta quarta-feira sem a presença dos atacantes Guerrero e Emerson, do meia Ederson e do lateral-esquerdo Jorge. Eles foram os desfalques do trabalho tático comandado por Oswaldo de Oliveira, a primeira atividade de preparação para o jogo contra o Atlético Paranaense, em Curitiba, no domingo.

Estadão Conteúdo

25 de novembro de 2015 | 12h49

Emerson ficou de fora do treino porque fez tratamento na canela direita em razão de pancada sofrida no local durante a partida contra a Ponte Preta, no domingo. Guerrero e Jorge fizeram apenas trabalho físico na academia. Ederson, por sua vez, trabalhou em separado com os preparadores físicos.

Sem os quatro, Oswaldo de Oliveira comandou trabalho técnico no CT George Helal. Em seguida, montou a equipe titular em trabalho tático, sem o goleiro, com Pará, César Martins, Wallace e Armero; Márcio Araújo, Canteros e Alan Patrick; Éverton, Gabriel e Kayke.

Com 49 pontos, na 11ª colocação da tabela, o Flamengo não tem mais pretensões no Brasileirão. Mesmo assim, o capitão Wallace prometeu empenho da equipe nas últimas duas rodadas do campeonato. "Lamentamos não poder disputar mais o G4, mas, por respeito ao torcedor, temos que jogar para terminar com duas vitórias", afirmou, nesta manhã.

Para o jogador, o Flamengo deve aproveitar as últimas semanas de trabalho neste ano para avaliar o rendimento na temporada. "É pensar e repensar o que erramos para não cometermos os mesmos erros em 2016. A diretoria está trabalhando passo a passo, então é preciso paciência. Este ano oscilamos muito", admitiu.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolFlamengotreinoWallace

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.