Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE
Marcos de Paula/AE - 11/08/2011
Marcos de Paula/AE - 11/08/2011

Flamengo rompe com parceiro e assume salário de Ronaldinho

Clube carioca rompe com a Traffic e agora terá mais facilidades para usar a imagem do jogador

LEONARDO MAIA, Agência Estado

08 de fevereiro de 2012 | 20h44

RIO - O Flamengo rompeu nesta quarta-feira com a Traffic, empresa de marketing esportivo que deveria arcar com a maior parte do salário de Ronaldinho Gaúcho. Com o fim do acordo, o clube vai assumir a integridade dos rendimentos de R$ 1,25 milhão mensal.

Para tanto, terá de realocar verba dos direitos de transmissão e vai usar parte do acerto de patrocínio com a Esso, que vai render ao clube R$ 9 milhões este ano. Apesar do novo planejamento, o clube ainda não tem todas as garantias financeiras para dar conta sozinho do pagamento de Ronaldinho.

O fim do acordo com a Traffic encerra uma "novela" que teve início no fim do ano passado, com a divulgação de que o atacante estava com os salários atrasados. A empresa não teria pago a sua parte ao atleta nos últimos seis meses, o que estava comprometendo a relação entre Ronaldinho e o Flamengo. Insatisfeita com o clube, a Traffic avisou que acionará a Justiça para se defender.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.