Flamengo só empata com Atlético-PR

O Flamengo deixou clara neste sábado toda a fragilidade de seu time no Campeonato Brasileiro. No empate por 1 a 1 com o lanterna da competição, o Atlético-PR, a equipe carioca jogou a maior parte do tempo com um homem a mais e não soube tirar proveito da vantagem. A partida foi disputada no Estádio Luso-Brasileiro, na Ilha do Governador, zona norte do Rio, diante de uma platéia que passou a se irritar com a seqüência de erros do Flamengo. O meia Fabrício, do Atlético-PR, foi o destaque de seu time. Esteve presente em dois lances importantes, ambos em cobranças de falta. Na primeira, chutou a bola na trave. Na outra, superou o goleiro Diego num bonito gol. O Flamengo tentava reagir, numa missão quase solitária de Jean, o único da equipe que une talento e disposição. O atacante criou boas situações, mas esbarrou na boa atuação do outro Diego, o goleiro do Atlético-PR. No final, Renato foi puxado por Danilo dentro da área e o árbitro marcou pênalti, cobrado pelo próprio Renato com perfeição. Os flamenguistas saíram de campo reclamando de um lance polêmico, ocorrido ainda no primeiro tempo, numa cabeçada de Obina, que Diego conseguiu deter, com um tapa, aparentemente depois de a bola ter ultrapassado a linha do gol.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.