Flamengo sofre ameaça de greve

Os 600 funcionários do Flamengo podem entrar em greve por causa do plano de demissão volutária, diminuição e atrasos de salários. A diretoria do clube apresentou um plano salarial com a redução de 25% do quadro funcional. Revoltados, o trabalhadores ameaçaram entrar em greve. A intenção da diretoria rubro-negra é a de reduzir a folha de pagamentos em R$ 800 mil. Os dirigentes alegam não possuir recursos para honrar os compromissos e propuseram um plano de descontos nos salários para tentar superar o rombo na folha de pagamentos. Os salários já estão atrasados há quatro meses. Alegria - Depois de estrear na vitória sobre o Entrerriense, o meia Nélio, de 18 anos, comemorou seu desempenho. Afirmou estar esperançoso para enfrentar o Botafogo, sábado, pelo segundo turno do Campeonato Estadual. Neste confronto, o Rubro-Negro vai atuar com um time reserva. "O treinador (do Flamengo, Lula Pereira) me passou muita confiança e isso foi importante."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.