Reprodução/Twitter
Reprodução/Twitter

Flamengo supera surto de caxumba, bate Flu e é campeão da Copa do Brasil Sub-17

Partida seria realizada no dia 11, mas vários jogadores do time rubro-negro ficaram doentes

Redação, O Estado de S.Paulo

21 Dezembro 2018 | 22h26

O Flamengo superou de tudo, até um surto de caxumba no elenco, para conquistar o título da Copa do Brasil Sub-17. Nesta sexta-feira, no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro, o clube rubro-negro venceu o rival Fluminense por 1 a 0 e levantou a taça depois do empate por 1 a 1 no jogo de ida, disputado no início deste mês.

A segunda partida da decisão do torneio deveria ser disputada no último dia 11, mas o Flamengo solicitou junto à CBF, um dia antes, o adiamento do duelo por causa de um surto de caxumba que atingiu vários jogadores. A entidade, então, acatou o pedido rubro-negro e transferiu a final para esta sexta-feira.

Mesmo assim, o Flamengo foi a campo contra o Fluminense com nove desfalques. Foram eles: Yuri de Oliveira, Nathan, Gabriel Noga, Lázaro, Bruno Gabriel, Weverton, Sidney, Samuel e Jean Carlos. E outros dois estavam suspensos - casos de Gomes e Luís Gustavo.

Em campo, o herói foi o meia Renier, o camisa 10 do Flamengo, que marcou o gol da vitória aos 14 minutos do primeiro tempo. Ele aproveitou a falha de Marcos Pedro, recebeu de Marcos Felipe e chutou sem chances para o goleiro Marcelo Pitalunga.

A Copa do Brasil Sub-17 é disputada desde 2013 e nunca um time ganhou dois títulos. O Flamengo se junta agora à lista de campeões que já tem Palmeiras, Corinthians, Vitória, Atlético-MG e São Paulo.

 

 

Mais conteúdo sobre:
FlamengoFluminense

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.