Flamengo
Flamengo

Flamengo tem desembarque tranquilo após derrota e Everton Ribeiro pede 'capricho'

Desta vez, foram os próprios jogadores que escancararam a insatisfação com o desempenho recente do time rubro-negro

Estadão Conteúdo

06 Setembro 2018 | 19h18

Um dia depois de mais uma derrota no Campeonato Brasileiro, desta vez para o Internacional, em Porto Alegre, o Flamengo desembarcou no Rio nesta quinta-feira. Apesar dos resultados recentes ruins e da queda na tabela, a recepção foi tranquila e os poucos torcedores que estiveram no aeroporto mostraram apoio e gritaram o nome da equipe.

Os próprios jogadores, no entanto, escancararam a insatisfação com o desempenho recente do time rubro-negro. Se liderava o Brasileirão antes da Copa do Mundo, de lá para cá o Flamengo vem amargando resultados decepcionantes e já se vê a cinco pontos do primeiro colocado, justamente o Inter. Everton Ribeiro cobrou seus companheiros e pediu mais "capricho", principalmente ao setor ofensivo.

"Temos que fortalecer, caprichar mais na frente, fazer os gols que a gente vem criando. E também ser mais precisos, tanto na defesa quanto no ataque. É um time que precisa voltar a vencer, e isso só vai acontecer com todo mundo unido", declarou ainda no aeroporto.

Para voltar a sonhar com o título, o Flamengo precisa voltar a vencer na competição, mas também torcer contra os rivais que estão na sua frente. Everton Ribeiro, porém, quer o time rubro-negro focado apenas em si mesmo. "A gente tem que pensar na gente, no que precisamos fazer dentro de campo, independente dos outros jogos."

A expectativa é que a reação comece já neste sábado, diante da penúltima colocada Chapecoense, no Maracanã. Perguntado sobre a obrigação do Flamengo de vencer a partida, Everton Ribeiro se esquivou. "Obrigação é vencer todo jogo, mas só com a obrigação não vamos chegar lá e vencer. Temos que colocar em prática tudo que a gente vinha fazendo e mostrar que somos capazes", comentou.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.