Divulgação
Divulgação

Flamengo ganha do Coritiba do estreante Ney Franco e respira

Eduardo da Silva faz gol da vitória que afasta Rubro-Negro do Z-4

JULIO CESAR LIMA, O Estado de S. Paulo

13 de junho de 2015 | 19h06

Em uma partida fraca tecnicamente, o Coritiba perdeu para o Flamengo por 1 a 0, no estádio Couto Pereira, em Curitiba, na estreia do técnico Ney Franco, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro, e permanece na zona de rebaixamento, com apenas três pontos. A vitória deixou o Flamengo com sete pontos, na 14ª colocação.

A expectativa pela estreia de Ney Franco era grande, mas dentro de campo a equipe não mostrava criatividade e abusava da marcação. Com o jogo concentrado no meio de campo, a primeira bola a ser batida para o gol foi somente aos 32 minutos, quando Canteros cobrou uma falta, sem perigo para Bruno.

O meia Ruy, apagado, não conseguia criar chances para o time da casa. Já o Flamengo, em uma das raras jogadas pela lateral conseguiu o gol da vitória. Aos 38 minutos, Luiz Antônio avançou pela direita e cruzou para Eduardo da Silva, que sem marcação cabeceou no ângulo esquerdo de Bruno: 1 a 0.

Aos 44 minutos, o Flamengo perdeu Jonas, pelo segundo cartão amarelo, mas a vantagem de um atleta a mais em campo, não foi suficiente para o Coritiba reagir.

Na segunda etapa Ney Franco tentou dar mais velocidade ao time com as entradas de Thiago Galhardo e Negueba, mas o time não correspondeu. O Flamengo administrou o resultado e levou pouco perigo à meta paranaense. No final da partida, aos 40, Negueba arriscou de fora da área, Paulo Victor rebateu, mas a defesa tirou o perigo da área.

O técnico Cristóvão Borges, disse que a sua equipe vem mostrando melhor desempenho a cada partida. "Fizemos uma partida melhor em relação a outras e isso vamos conseguindo jogo a jogo, por isso estaremos melhores nas próximas partidas, vamos nos recuperar, ganhar confiança", afirmou o treinador do Flamengo.

FICHA TÉCNICA

CORITIBA 0 x 1 FLAMENGO

CORITIBA - Bruno; Ivan, Luccas Claro, Leandro Silva e Henrique (Negueba); Fabrício (Marcos Aurélio), Hélder (Thiago Galhardo), Lucho Cáceres e Ruy; Wellington Paulista e Rafhael Lucas. Técnico: Ney Franco

FLAMENGO - Paulo Victor; Luiz Antonio, Wallace, Samir e Pará; Jonas, Márcio Araújo, Héctor Canteros, Everton (Arthur Maia) e Gabriel (Paulinho); Eduardo da Silva (Marcelo Cirino). Técnico: Cristovão Borges

GOL - Eduardo da Silva, aos 38 minutos do primeiro tempo

CARTÕES AMARELOS - Marcelo Cirino, Fabrício, Thiago Galhardo e Jonas

CARTÃO VERMELHO - Jonas

ÁRBITRO - Guilherme Ceretta de Lima (SP)

RENDA - R$ 267.380,00

PÚBLICO - 12.043 pagantes

LOCAL - Estádio Couto Pereira, em Curitiba (PR).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoCoritibaFlamengo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.