Flamenguista Gustavo acha que punição imposta é justa

O flamenguista Gustavo cumpriu, neste final de semana, contra o América-MG, o seu primeiro jogo de suspensão após a pena imposta pelo STJD na quarta-feira. O zagueiro foi punido com quatro partidas de gancho por ter dado um soco em Liedson, do Corinthians, em jogo válido pela 21.ª rodada - o lance foi flagrado pelas câmaras de televisão. Ele acha que a pena recebida foi justa.

AE, Agência Estado

26 de setembro de 2011 | 15h41

"Fiquei muito triste com o que aconteceu. Acabou sendo uma punição justa, fiquei muito arrependido do que fiz. Fui sincero e acho que temos de ser assim. Aprendi a lição e posso garantir que isso não vai acontecer novamente", diz Gustavo, que chegou a chorar no tribunal do STJD ao pedir desculpas pelo lance e tentar se defender.

"Quero aproveitar para pedir desculpas aos torcedores do Flamengo. Queria estar em campo ajudando os meus companheiros neste momento, mas tenho que seguir apenas treinando", lamenta o defensor, que não vai participar de três confrontos diretos por uma vaga na Libertadores: São Paulo, Fluminense e Palmeiras. Só deverá voltar contra o Ceará, no dia 15 de outubro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.