Flu ataca o Olaria com 3 atacantes

Para aproveitar o poder ofensivo do elenco do Fluminense, o técnico Valdir Espinosa adotou a formação tática 3-4-3 na estréia da equipe no segundo turno do Campeonato Carioca, contra o Olaria, às 17 horas deste sábado, em Édson Passos. Agnaldo, Magno Alves e Marco Brito formam o ataque do Tricolor. O colombiano Asprilla irá jogar mais recuado, no meio-de-campo, e terá a função de municiar os atacantes e ajudar na marcação.Espinosa frisou que para a nova armação dar o resultado esperado, não só Asprilla, mas todos os jogadores precisam estar atentos à marcação. O treinador, que vinha adotando a formação 3-5-2, explicou que este será um novo desafio para o time do Fluminense e não descartou a possibilidade de retornar ao antigo sistema tático.Feliz por voltar a ser titular, Marco Brito exaltou as qualidades de seus companheiros e disse confiar no sucesso da nova formação. Segundo o jogador, todos estão conscientes de que, além dos gols, não podem "relaxar" durante os ataques do adversário. "Temos tudo para fazermos muitos gols, mas não podemos esquecer da marcação e facilitarmos as coisas para o Olaria", avisou o atacante.O Olaria precisou montar uma nova equipe para a estréia no segundo turno da competição, pois seis jogadores tiveram seus passes negociados. A boa notícia para os torcedores da equipe foram as renovações de contrato do lateral-esquerdo André Ladaga e do lateral-direito Dida.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.