Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Flu sai do Maracanã cheio de problemas

Além de perder o título da Taça Guanabara e de sofrer a segunda derrota consecutiva para o Flamengo, o Fluminense ficou sem a renda do clássico disputado neste sábado. No vestiário do Maracanã, um oficial de justiça entregou ao presidente do clube, David Fischel, uma intimação para a penhora de 20% da renda líquida destinada ao Flu. A medida foi tomada para saldar uma dívida de imposto de renda no valor de R$ 822 mil. Ao todo, o Fluminense deve mais de R$ 20 milhões à União."Vamos analisar esta intimação. Eles estão exorbitando o valor a ser pago. Já há um dinheiro bloqueado no clube e a sede das Laranjeiras foi dada como garantia", afirmou David Fischel, que, se não efetuar o pagamento, poderá ser preso. O presidente do Fluminense também voltou a pedir uma maior compreensão do governo federal com os clubes de futebol. "É preciso analisar com cuidado esta situação. O futebol ajuda muito o Brasil."Para piorar ainda mais a situação do Fluminense, o meia Roger deixou o campo reclamando de dores na panturrilha esquerda e pode desfalcar a equipe nos próximos jogos. O mesmo vale para o volante Marcão, que sofreu um edema no punho direito e pode ficar afastado até dois meses.O técnico Valdyr Espinosa reclamou das falhas do Fluminense. "Não tiro os méritos do Flamengo, mas acho que erramos muito e pagamos por isso", afirmou o treinador. "E alguns jogadores estiveram abaixo do que podem render", lamentou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.