Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Flu sonha com reabilitação amanhã

O Fluminense quer esquecer os nove jogos sem vitória no Campeonato Brasileiro e busca iniciar uma boa campanha na Copa Sul-Americana, enfrentando o Corinthians amanhã, às 21h40, no Maracanã. O time carioca não contará com o atacante Romário, com estiramento muscular na coxa esquerda. O técnico do Tricolor, Joel Santana, acredita que um bom resultado contra o time paulista servirá para dar ânimo aos jogadores numa possível reabilitação no Brasileiro. "Vamos com tudo para cima do Corinthians. Só tem um jeito de sair desta crise: vencer. Uma vitória sempre muda o quadro", disse Joel, lembrando em seguida da importância do torneio. "O clube lutou muito para participar da Sul-Americana e não podemos desprezá-la". O Fluminense não disputa uma competição de expressão na América do Sul há sete anos. A última foi a extinta Copa Conmebol, em 1996. Mas Joel tem sérios problemas para obter a tão sonhada vitória que poderá deixar o clima mais ameno nas Laranjeiras. Além do desfalque de Romário, o meia Carlos Alberto continua fora. Ele passa por problemas particulares, não tem conseguido dormir e deve ser encaminhado a um psicólogo na próxima semana. Para complicar ainda mais a situação do Fluminense, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) foi notificada hoje da penhora dos direitos federativos de Carlos Alberto. Tudo porque o Tricolor tem dívidas trabalhistas com o ex-técnico do clube, Renato Gaúcho. Uma delas diz respeito ao pagamento da premiação pelo famoso "gol de barriga" na final do Campeonato Carioca contra o Flamengo, em 1995.

Agencia Estado,

12 de agosto de 2003 | 19h51

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.