Fluminense conquista o título do Brasileirão de 2010

O Fluminense é o campeão brasileiro de 2010. Como era líder do campeonato, o time carioca dependia apenas de uma vitória na última rodada, disputada neste domingo, para garantir a conquista. E conseguiu. Jogando no Engenhão lotado, derrotou o rebaixado Guarani por 1 a 0 e ganhou o título nacional pela segunda vez na história, repetindo o feito de 1984.

AE, Agência Estado

05 de dezembro de 2010 | 19h06

A última rodada começou com mais dois candidatos ao título. Na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas (MG), o Cruzeiro ganhou de virada do Palmeiras, por 2 a 1, e terminou o campeonato como vice-campeão. E no Estádio Serra Dourada, em Goiânia, o Corinthians decepcionou e só empatou com o rebaixado Goiás, por 1 a 1, ficando com a terceira colocação do Brasileirão.

Na luta pela quarta colocação do Brasileirão, o Grêmio levou a melhor no confronto direto contra o Botafogo e venceu por 3 a 0, no Estádio Olímpico, em Porto Alegre. Com isso, o time gaúcho pode ficar com a vaga na Libertadores de 2011, desde que o Goiás não seja o campeão da Copa Sul-Americana - disputa a final contra o Independiente na próxima quarta-feira.

A última rodada também definiu o quarto rebaixado no Brasileirão. E sobrou para o Vitória, que fez um confronto direto com o Atlético-GO, neste domingo, no Estádio Barradão, em Salvador, e não saiu do 0 a 0. Assim, o time baiano terminou o campeonato na 17ª colocação, atrás justamente do rival goiano, e caiu para a Série B, ao lado de Prudente, Goiás e Guarani.

Confira todos os resultados deste domingo:

Fluminense 1 x 0 Guarani

Goiás 1 x 1 Corinthians

Cruzeiro 2 x 1 Palmeiras

São Paulo 4 x 0 Atlético-MG

Vasco 2 x 0 Ceará

Santos 0 x 0 Flamengo

Grêmio 3 x 0 Botafogo

Vitória 0 x 0 Atlético-GO

Atlético-PR 1 x 0 Avaí

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCampeonato Brasileiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.