Fluminense, de ressaca, pega o Grêmio

Após a conquista do título estadual no domingo, o Fluminense volta a atuar nesta quarta-feira, contra o Grêmio, pela primeira partida da oitavas-de-final da Copa do Brasil, às 21h45, no Maracanã. Todos na equipe foram unânimes em afirmar que a "ressaca" pelas comemorações do triunfo estadual já foi superada, além de alertarem que o confronto ante os gaúchos também deve ser considerado uma decisão.A principal preocupação do técnico tricolor Abel Braga foi a de lembrar os jogadores de que devem se concentrar nesta partida, principalmente porque sofrer gols atuando em casa é uma desvantagem. Para o treinador do Fluminense um resultado ruim neste jogo poderá deixar o time sem condições de reagir na partida de volta, em Porto Alegre, prevista para o dia 4 de maio.O capitão e volante do Fluminense, Marcão apoiou as palavras de Braga. Enfatizou a necessidade de o time estar concentrado na competição Nacional e ainda frisou que as comemorações pelo título carioca já foram encerradas. "Já comemoramos bastante. Agora é outro campeonato. E sua importância aumenta porque é a maneira mais rápida para nos levar a uma competição internacional (a Copa Libertadores)", afirmou Marcão. "Faremos mais uma grande decisão. Precisaremos ter atenção redrobada, porque na Copa do Brasil levar gols em casa é ruim."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.