Fluminense derrota Juventude no final

A repetição do jogo anulado do dia 14 de agosto acabou se tornando um péssimo negócio para o Juventude, que tinha vencido por 2 a 0 na ocasião. Desta vez, o Fluminense levou a melhor e ganhou por 4 a 3, nesta quarta-feira, no Estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul.O Fluminense teve uma segunda chance graças ao escândalo da arbitragem no Campeonato Brasileiro. Como o primeiro confronto com o Juventude tinha sido apitado por Edílson Pereira de Carvalho, o STJD acabou determinando a anulação daquela partida e a repetição do jogo.Mas a vitória do Fluminense nesta quarta-feira saiu apenas nos acréscimos do segundo tempo, graças ao gol de Petkovic aos 47 minutos. Assim, o time carioca chegou aos 51 pontos no Campeonato Brasileiro, ocupando o 6º lugar. Já o Juventude segue com 38, na 15ª colocação.O jogo - Em casa, o Juventude começou arrasando. Logo no primeiro minuto, Enílton fez 1 a 0 de cabeça. Ainda na etapa inicial, aos 39, o mesmo Enílton ampliou, desta vez cobrando o pênalti que ele sofreu.A reação do Fluminense veio apenas no segundo tempo. Adriano Magrão, que tinha entrado no intervalo, diminuiu aos 11 minutos, após jogada de Tuta. E o mesmo Adriano Magrão empatou o jogo, aos 35.Mas o Juventude ainda conseguiu mais um gol. Foi de Lauro, aos 40 minutos. E, quando o jogo já chegava ao fim, o Fluminense virou o placar. Primeiro, aos 45, Lenny aproveitou o rebote do goleiro Fabiano, após boa jogada de Adriano Magrão, e empatou novamente a partida. Aí, aos 47, Petkovic garantiu a vitória do time carioca.

Agencia Estado,

12 de outubro de 2005 | 18h19

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.