Fluminense fecha 1.º turno do Brasileiro com vitória sobre o Vasco por 2 a 1

Com dois gols de Thiago Neves, time carioca leva a melhor em clássico carioca no Engenhão

Tiago Rogero , O Estado de S. Paulo

25 de agosto de 2012 | 20h40

RIO - Em noite de lances polêmicos da arbitragem neste sábado, no Engenhão, o Fluminense venceu o clássico contra o Vasco, por 2 a 1 (dois gols de Thiago Neves), e está mais uma vez colado no líder Atlético-MG: ambos têm 42 pontos no Brasileirão.

Os mineiros, que enfrentam neste domingo o Cruzeiro, levam vantagem pelo número de vitórias (13 a 12). O Vasco acumulou o quarto jogo sem vitória - três derrotas e um empate -, e pode até perder a terceira posição para o Grêmio, caso o time gaúcho vença o Gre-Nal deste domingo.

Aos 26 minutos, Wagner entrou na área pela esquerda e cruzou para Thiago Neves, de canhota e de voleio, abrir o placar. A bola quicou antes de entrar, sem chances para Prass.

A torcida do Flu mal teve tempo de comemorar. Pela direita, Juninho Pernambucano cruzou a bola rasteiro para Alecsandro, Gum tentou cortar, mas mandou a bola contra o próprio gol, tirando Cavalieri da jogada.

O Vasco quase virou em lance incrível do equatoriano Carlos Tenorio, aos 35. Após tocar a bola em posição de impedimento - não marcado -, o atacante entrou na área, recebeu passe, dominou no peito, encobriu Cavalieri e cabeceou, mas a bola tocou no travessão.

Aos 41, Thiago Neves decidiu. Em cobrança de falta pela esquerda, o meia bateu por fora da barreira e Prass ficou apenas olhando a bola entrar. Thiago, que trocou recentemente a camisa 7 pela 10, disse que a mudança está dando sorte. "Fico feliz pelos dois gols, mas o mais importante foi a vitória para encostar no Atlético-MG."

Na próxima rodada, a primeira do segundo turno, o Fluminense enfrenta o Corinthians, no Engenhão, na quarta-feira, às 22 horas. Já o Vasco vai a Porto Alegre para encarar o Grêmio, no mesmo dia e horário, no Olímpico.

VASCO 1 X 2 FLUMINENSE

VASCO - Fernando Prass; Auremir (Jonas), Douglas, Dedé e William Matheus; Nilton, Wendel, Juninho Pernambucano e Carlos Alberto (Carlos Tenorio); William Barbio (Fellipe Bastos) e Alecsandro. Técnico: Cristóvão Borges.

FLUMINENSE - Diego Cavalieri; Bruno, Gum, Leandro Euzébio e Carlinhos; Edinho, Jean (Diguinho), Wagner (Samuel) e Thiago Neves; Wellington Nem (Rafael Sobis) e Fred. Técnico: Abel Braga.

GOLS - Thiago Neves, aos 26 e 41, e Gum (contra), aos 27 do segundo tempo.

ÁRBITRO - Marcelo de Lima Henrique (RJ/Fifa).

CARTÃO AMARELO - William Barbio, William Matheus, Wendel e Juninho Pernambucano ()(Vasco); Edinho, Thiago Neves, Samuel, Fred e Jean (Fluminense).

RENDA - R$ 288.880,00.

PÚBLICO - 9.729 pagantes.

LOCAL - Estádio do Engenhão, no Rio.

Notícias relacionadas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.