Fluminense ganha e encosta no líder Atlético-MG

Muito se espera do Fluminense nesta temporada. Elenco caro, algumas estrelas e um técnico renomado. Até o momento, a soma de tais fatores não resultou em grandes jogos, mas o que interessa mesmo são os pontos conquistados a cada rodada. Se falta brilho, sobra empenho e luta, o que faz deste time um grupo vitorioso. Essa marca da equipe carioca neste Campeonato Brasileiro se repetiu na vitória por 1 a 0 sobre o Sport, na noite deste sábado, no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ).

LEONARDO MAIA, Agência Estado

18 de agosto de 2012 | 20h57

Desfalcado de oito jogadores, entre titulares e reservas, o Fluminense do técnico Abel Braga enfrentou muitas dificuldades, esbarrou em mais uma atuação ruim do meia-atacante Thiago Neves e em um desempenho brilhante do goleiro adversário Magrão. Mas contou com um gol nos minutos finais para superar o time pernambucano.

Com 39 pontos, o Fluminense iguala a pontuação do líder Atlético-MG, mas mantém a segunda colocação por ter uma vitória a menos. O Sport, por sua vez, ainda não contou com seu novo técnico, Waldemar Lemos, que assistiu ao jogo da tribuna. Assim, sob o comando do interino Gustavo Bueno, continua com apenas 14 pontos, dentro da zona de rebaixamento - soma nove jogos sem vitória.

"Fred é um grande jogador, um ídolo para mim. Fazer um gol nesse momento foi muito importante para mim", disse o atacante Samuel, autor do gol da vitória, já aos 38 minutos do segundo tempo, e que cumpriu a função de substituir o suspenso Fred.

Com tantas e frequentes ausências, Abel Braga depositava grande esperança no retorno do bom futebol de Thiago Neves. O meia-atacante ainda não conseguiu encontrar equilíbrio desde sua volta às Laranjeiras. Alterna boas apresentações com atuações ruins.

Na base da superstição, o Fluminense tentou ajudar Thiago Neves. Devolveu-lhe a camisa 10, usada até então pelo negociado atacante Rafael Moura. A mandinga não deu resultado. O meia-atacante lutou muito, correu o campo todo, mas errou muitos lances neste sábado.

"A torcida falava que a (camisa 7) estava marcada pelo Flamengo. Resolvi mudar para ver se reencontro meu futebol", comentou o Thiago Neves, lembrando de seu antigo clube.

A partida deste sábado foi muito movimentada, com várias chances de gol e predomínio do Fluminense a partir dos 30 minutos do primeiro tempo. Rithely, pelo lado do Sport, e Wagner e Thiago Neves, ambos do time carioca, perderam grandes oportunidades.

No segundo tempo, o ritmo seguiu intenso e Rithely parou mais uma vez no goleiro Diego Cavalieri, que só foi ofuscado pelo veterano Magrão, autor de pelo menos quatro defesas fantásticas. A mais marcante, em cabeçada de Wagner, foi no chão e no contrapé do goleiro pernambucano.

A expulsão de Tobi, aos 35 minutos do segundo tempo, contribuiu para a vitória do Fluminense. Em avanço pelo exposto lado direito, Carlinhos cruzou e Samuel, até então apagado, desviou com oportunismo para vencer Magrão: 1 a 0.

Uma vitória sofrida, mas que tem sido a marca deste time do Fluminense na competição. Pouca inspiração, mas muita transpiração. Até aqui, as coisas vão bem assim.

FICHA TÉCNICA:

FLUMINENSE 1 X 0 SPORT

FLUMINENSE - Diego Cavalieri; Wallace (Diguinho), Gum, Leandro Euzébio e Carlinhos; Valencia (Higor), Jean, Thiago Neves e Wagner; Rafael Sóbis (Michael) e Samuel. Técnico - Abel Braga.

SPORT - Magrão; Cicinho (Marquinhos), Aílson (Bruno Aguiar), Diego Ivo e William Rocha; Tobi, Rithely, Naldinho (Renan) e Hugo; Magno Alves e Felipe Azevedo. Técnico - Gustavo Bueno (interino).

GOL - Samuel, aos 38 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Leandro Pedro Vuaden (Fifa/RS).

CARTÃO AMARELO - Samuel, Leandro Euzébio, Aílson, Bruno Aguiar e Tobi.

CARTÃO VERMELHO - Tobi.

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoFluminenseSport

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.