Luca Merçon/Fluminense
Luca Merçon/Fluminense

Fluminense goleia River-PI e avança na abertura da Copa do Brasil

Luciano, com dois gols marcados, foi o destaque da partida em Teresina

Leandro Silveira, Estadão Conteúdo

05 de fevereiro de 2019 | 23h46

O Fluminense aproveitou a fragilidade do River-PI para avançar sem sustos na Copa do Brasil. No jogo que abriu a edição 2019 da competição, o time carioca venceu fácil o modesto rival por 5 a 0, nesta terça-feira, no Estádio Albertão, em Teresina. Luciano, com dois gols marcados, foi o destaque da partida.

A goleada ampliou o bom começo de temporada do setor ofensivo do Fluminense, que fez 12 gols na fase de classificação da Taça Guanabara e agora chegou aos 17 em seis jogos oficiais na temporada, sendo que nesta terça marcou três vezes no primeiro tempo, depois só administrando a vantagem.

Na segunda fase da Copa do Brasil, o Fluminense vai encarar o vencedor do duelo entre o paulista Votuporanguense e o gaúcho Ypiranga, que será realizado nesta quarta-feira. Já no próximo sábado, às 19 horas, enfrentará o rival Flamengo, no Maracanã, pelas semifinais da Taça Guanabara.

O JOGO 

Com velocidade em algumas investidas, mas também com a preocupação de não entregar rapidamente a posse de bola, o River até esboçou equilibrar o duelo nos minutos iniciais. Mas sucumbiu na primeira boa ação ofensiva do Fluminense, quando Luciano acionou, na grande área, Everaldo, que foi derrubado por Carlos Henrique. Luciano cobrou, aos 14 minutos, e colocou o time carioca em vantagem.

A partir daí, o Fluminense não encontrou muito mais resistência do River, contando com o bom entendimento entre o quarteto ofensivo formado por Everaldo, Daniel, Yony González e Luciano. Assim, chegou ao segundo gol aos 18, em um belo chute colocado de Everaldo.

O River não esboçou mais reação, tendo dificuldades até mesmo para fazer a saída de jogo. O Fluminense, por sua vez, não acelerava o ritmo, mas ainda assim dava trabalho a Mondragon, que teve seu melhor momento já no fim do primeiro tempo. Aos 44 minutos, após o árbitro marcar pênalti em Yoni González, o goleiro defendeu parcialmente a cobrança de Luciano. Só que Bruno Silva ficou com o rebote e chutou forte e alto para fazer 3 a 0.

Com o jogo definido, mas preocupado em não ser massacrado, o River promoveu as três alterações possíveis no intervalo. Conseguiu até trocar alguns passes no campo de ataque, mas não demorou a voltar a ser vazado. Aos dez minutos, Yony cruzou para Everaldo, que deu um voleio. Ao cortar, a defesa deixou a bola nos pés de Luciano, que finalizou para fazer o seu segundo gol na partida e o quarto do Fluminense.

Soberano, o time carioca diminuiu o ritmo, mais preocupado com o Fla-Flu do fim de semana. Mas poderia ter ampliado o placar, não fossem algumas finalizações erradas. O River também teve sua chance, mas Ruan se enrolou todo na frente do goleiro Rodolfo.

No fim, o Fluminense acelerou o ritmo e marcou o quinto gol aos 45 minutos, com Marlon que aproveitou rebote e chutou muito forte de fora da área para selar a goleada do time carioca.

FICHA TÉCNICA:

RIVER-PI 0 X 5 FLUMINENSE

RIVER-PI - Mondragon; Carlos Henrique (Kaio), Cris, Audálio e Vitor Hugo; Liniker, Gustavo Henrique e Bismarck; Jonatas (Ruan), Eduardo (Tote) e Ronei. Técnico: Oliveira Canindé.

FLUMINENSE - Rodolfo; Ezequiel, Matheus Ferraz, Digão e Marlon; Airton, Bruno Silva (Marcos Paulo) e Daniel (Caio Henrique); Yony González, Luciano (João Pedro) e Everaldo. Técnico: Fernando Diniz.

GOLS - Luciano, aos 14, Everaldo, aos 18, e Bruno Silva, aos 44 minutos do primeiro tempo. Luciano, aos dez, e Marlon, aos 45 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Emerson de Almeida Ferreira (MG).

CARTÕES AMARELOS - Carlos Henrique, Ronei e Cris (River-PI)

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio Albertão, em Teresina (PI).

 

 

Mais conteúdo sobre:
FluminensefutebolCopa do Brasil

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.