Fluminense poupa Romário contra Olaria

Sem Romário, que só chega na manhã deste sábado da Suíça, para onde viajou a fim de resolver problemas particulares, o Fluminense enfrenta o Olaria, às 16 horas, no Maracanã, pelo segundo turno do Campeonato Carioca. Com a ausência do atacante, o técnico Ricardo Gomes vai manter o jovem Marcelo ao lado de Alessandro no ataque."O Romário tem 0,1% de atuar. Ele vai chegar de viagem e teremos uma semana complicada. Prefiro resguardá-lo", afirmou o treinador. A intenção de Ricardo Gomes é a de escalar o atacante na primeira partida da segunda fase da Copa do Brasil, contra o Juventude, em Caxias, na quarta-feira. "É um jogo muito importante e precisaremos dele."Mas o grande assunto nas Laranjeiras nesta sexta-feira voltou a ser a possível discussão entre Romário e Roger, no intervalo da final da Taça Guanabara, dentro do vestiário, contra o Flamengo. O meia, mais uma vez, negou que tal fato tenha ocorrido. "Ele somente me perguntou, de forma educada, se eu tinha condições de retornar para o segundo tempo.E eu disse que não." Roger também negou que tenha exigido dos dirigentes tricolores os mesmos privilégios de Romário. "Sou profissional. Não gosto dessas coisas. Se ele tem, é porque merece", prosseguiu o jogador.O time que vai entrar em campo contra o Olaria será o mesmo que derrotou o Bangu, por 2 a 0, na última rodada. O zagueiro Odvan foi elogiado por Ricardo Gomes e está mantido entre os titulares. No meio-de-campo, Roger e Ramon terão a responsabilidade de municiar os atacantes Marcelo e Alessandro.

Agencia Estado,

12 de março de 2004 | 19h04

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.