Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE
Wallace Teixeira/Divulgação
Wallace Teixeira/Divulgação

Fluminense revela que Deco tem lesão muscular 'grave'

Meia não tem previsão para voltar aos gramados - o clube não costuma informar prazos

AE, Agência Estado

25 de janeiro de 2011 | 17h29

RIO - O Fluminense informou nesta terça-feira que a lesão muscular na coxa esquerda do meia Deco é "grave". Ele se contundiu ainda no primeiro tempo da vitória sobre o Olaria, por 6 a 2, no último domingo, pelo Campeonato Carioca, e não tem previsão para voltar aos gramados - o clube carioca não costuma informar prazos de recuperação.

O meia passou por um exame na tarde desta terça-feira que constatou a gravidade do problema. "A lesão do Deco é grave, mas o departamento médico do Fluminense fará de tudo para que ele possa retornar o mais rápido possível aos gramados para fazer o que mais gosta que é jogar futebol", declarou o médico do clube, Victor Favilla.

Deco tem um histórico de lesões musculares desde que chegou ao Fluminense, em agosto de 2010, o que fez com que perdesse boa parte da campanha do título do Campeonato Brasileiro. Agora, ele pode ser desfalque na estreia da equipe na Libertadores, marcada para o dia 9 de fevereiro, diante do Argentino Juniors, no Engenhão.

Sem poder contar com Deco e Conca - este último se recupera de uma artroscopia no joelho esquerdo -, o técnico Muricy Ramalho deverá escalar Souza e Marquinho como meias titulares do Fluminense na partida diante do Macaé, na quinta-feira, no Engenhão, pela terceira rodada da Taça Guanabara, o primeiro turno do Campeonato Carioca.

Veja também:

link Souza promete ficar longe de polêmicas no Fluminense

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.