Lucas Merçon/Fluminense
Lucas Merçon/Fluminense

Fluminense se acerta com o Corinthians e anuncia contratação do meia Guilherme

Jogador estava emprestado ao Bahia e já fez primeiro treino com a equipe do Rio de Janeiro

Redação, Estadão Conteúdo

01 de maio de 2019 | 16h26

O Fluminense anunciou nesta quarta-feira a contratação do meia Guilherme, que estava no Bahia, mas pertence ao Corinthians. O clube carioca se acertou com os paulistas e fechou acordo para ter o jogador até o final da temporada. Ele já fez o primeiro treino com os novos companheiros de equipe.

O jogador de 30 anos disse estar motivado, revelou que ficou perto de defender o Fluminense em outras oportunidades e comentou sobre o trabalho do técnico Fernando Diniz, de quem foi atleta no Athletico-PR no ano passado.

"Extremamente motivado, sabendo que o Brasileirão é um campeonato difícil e teremos que trabalhar muito. Serão grandes jogos e estou à disposição para ajudar. Em outras duas oportunidades tive a chance de vir para o Fluminense, mas não aconteceu. Agora se concretizou, estou muito contente com isso", disse o novo reforço. "Já conheço o Diniz, sei como é a forma dele de trabalhar, a intensidade e a cobrança com os jogadores. Será especial estar com ele novamente", continuou.

Guilherme não fez bons jogos nas últimas temporadas. Sem agradar no Corinthians, que o comprou em 2016, o meia foi emprestado em 2017 para o Athletico-PR. Sem brilho, deixou o clube paranaense e nesta temporada foi repassado ao Bahia, seu último clube, pelo qual jogou apenas 11 partidas e marcou um gol. O meia viveu seus melhores momentos em Belo Horizonte. Surgiu muito bem no Cruzeiro em 2007 e conquistou a Copa Libertadores pelo Atlético-MG, em 2013.

TREINO

O técnico Fernando Diniz comandou na manhã desta quarta-feira o último treinamento da equipe antes do duelo com o Santos, marcado para esta quinta, às 19h15, na Vila Belmiro. O treinador não confirmou a escalação, mas deve mexer pouco no time. O Fluminense busca a primeira vitória no Campeonato Brasileiro, já que na estreia foi derrotado pelo Goiás por 1 a 0 em casa.

"O Santos tem um time muito bom, um dos melhores no futebol do Brasil e tem que estar ligados nele para fazer um bom jogo, é uma equipe rápida e temos que ter foco para tentar pontuar lá", afirmou o lateral-direito Gilberto, em entrevista coletiva. O duelo opõe Jorge Sampaoli e Fernando Diniz, dois treinadores com estilos de jogo parecidos, em que priorizaram a bola e o ataque.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.