Fluminense vence Cachoeiro por 1 a 0

Em jogo de baixo nível técnico, o Fluminense venceu o Cachoeiro por 1 a 0 nesta quinta-feira, no estádio Engenheiro Araripe, em Cariacica (ES), em sua estréia na Copa do Brasil. O desânimo das equipes e o péssimo estado do gramado tornaram a partida um espetáculo lamentável. Agora o Fluminense precisa apenas empatar o jogo de volta, no Maracanã, para se classificar à segunda fase da competição.Logo no início ficou demonstrado que a partida ficaria limitada ao meio de campo, onde as duas equipes exerciam forte marcação. O Cachoeiro tentava ameaçar com bolas aéreas, mas lhe faltava um centroavante com presença física para concluir as jogadas. No Fluminense, o estreante Ramón tinha atuação apática.Outro que atuou pela primeira vez com a camisa tricolor, o colombiano Viveros, ao menos demonstrava disposição. Aos 21 minutos ele foi o responsável pela jogada do gol tricolor, ao cruzar para Marco Brito marcar de peito. O Fluminense ainda teve outra boa chance com Aguinaldo, que quase marcou belo gol de cobertura, mas a bola passou sobre a trave.No segundo tempo as duas equipes mantiveram a mesma postura e os jogadores do Cachoeiro pareciam satisfeitos por ter a oportunidade de jogar no Maracanã. Na única chance do time capixaba, André Biquinho chutou para boa defesa de Murilo. Valdyr Espinosa trocou Ramón por Asprilla, que deu maior movimentação à equipe. Em um passe do colombiano, Aguinaldo perdeu a última chance livre. Antes do fim do jogo, Régis ainda foi expulso.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.