Juliana Flister/VIPCOMM
Juliana Flister/VIPCOMM

Fluminense vence Cruzeiro e já encosta nos primeiros do Brasileirão

Cariocas engatam reação no Brasileiro e chegam à sexta posição com 34 pontos

Aline Reskalla, Agência Estado

08 de setembro de 2011 | 00h08

BELO HORIZONTE - O Fluminense venceu a terceira partida seguida no Campeonato Brasileiro ao derrotar o Cruzeiro por 2 a 1, na noite desta quarta-feira, no Parque do Sabiá, em Uberlândia. Com o resultado, a equipe subiu uma posição, para sexto lugar, enquanto Cruzeiro caiu uma, para décimo segundo. "Precisamos melhorar tudo", desabafou Montillo no final da partida. "Precisamos de mais força ofensiva, temos que melhorar muito contra o Santos'', disse Marquinhos Paraná.

No primeiro tempo, o Cruzeiro não conseguiu passar pela marcação forte do Fluminense, que foi mais eficiente saindo nos contra-ataques. Aos 34 minutos, Fred sofreu pênalti e ele mesmo cobrou com categoria, abrindo o placar. Como de costume, o jogador não comemorou em respeito ao seu ex-time.

O técnico cruzeirense fez duas alterações no intervalo: o meia Roger no lugar de Anselmo Ramon e Élber no de Gabriel Araújo. O time começou o segundo tempo se movimentando mais. Mas a dupla de ataque formada por Montillo e o estreante Keirrison não se entrosou. Num cochilo da defesa celeste, o Fluminense fez o segundo, com Marquinhos, que chutou no contrapé do goleiro Fábio após receber lançamento na pequena área, quase sem ângulo.

Pouco depois, o goleiro cruzeirense pediu para ser substituído. Ele sentiu tontura após se chocar com Carlinhos e acabou sendo levado para um hospital de Uberlândia para fazer exames. Aos 24 minutos do segundo tempo, Montillo, o melhor jogador do Cruzeiro em campo, diminuiu. Ele recebeu de Roger na entrada da grande área, deu belo drible e chutou no canto, sem dar chances para o goleiro tricolor, Diego Cavalieri.

O gol esquentou o jogo, que ficou mais aberto. Abel Braga decidiu reforçar a marcação, substituindo Lanzini por Digão. Poucos minutos depois, Fred saiu para a entrada de Rafael Moura, artilheiro do Fluminense com nove gols no campeonato. Com as substituições, o time carioca conseguiu segurar os 2 a 1.

FICHA TÉCNICA:

CRUZEIRO1 x 2 FLUMINENSE

Cruzeiro - Fábio (Rafael); Marquinhos Paraná, Naldo, Léo e Gabriel Araújo (Élber); Fabrício, Leandro Guerreiro, Charles e Montillo; Anselmo Ramon (Roger) e Keirrison. Técnico: Emerson Ávila.

Fluminense - Diego Cavalieri; Mariano, Gum, Leandro Euzébio e Carlinhos; Diogo, Rodrigo, Marquinho e Lanzini (Digão); Ciro (Rafael Sóbis) e Fred (Rafael Moura). Técnico: Abel Braga

Gols - Fred (pênalti), aos 34 min do primeiro tempo. Marquinho, aos 17, e Montillo, aos 24 minutos do segundo tempo.

Árbitro - Guilherme Ceretta de Lima (SP)

Cartões Amarelos - Marquinho e Marquinhos Paraná.

Renda e público - Não disponíveis.

Local - Parque do Sabiá, em Uberlândia (MG).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.