Fonte Nova é 1º estádio da Copa a acertar naming rights

A Fonte Nova se tornou nesta segunda-feira a primeira das novas arenas que serão utilizadas na Copa do Mundo de 2014 a anunciar um contrato de naming rights (direitos sobre o nome do estádio). O Grupo Petrópolis investirá R$ 10 milhões por ano, por dez anos, para ter o direito de incorporar uma de suas marcas ao nome do estádio, que será chamado de Itaipava Arena Fonte Nova.

AE, Agência Estado

01 Abril 2013 | 13h57

Os termos do contrato apontam ainda que a cerveja Itaipava e outras marcas do Grupo Petrópolis poderão comercializar seus produtos com exclusividade nos restaurantes e bares do estádio.

"A conquista deste contrato, logo no início da operação, é de extrema importância para a sustentabilidade econômica do equipamento, além de permitir a redução do investimento público do governo do Estado, conforme estabelecido no contrato de Parceria Público Privada (PPP)", disse o presidente da Itaipava Arena Fonte Nova, Frank Alcântara.

A Itaipava Arena Fonte Nova será inaugurada nesta sexta-feira, em cerimônia que contará com a presença da presidente Dilma Rousseff. A primeira partida do novo estádio, um dos 12 que sediarão a Copa do Mundo de 2014 no Brasil, será disputada no domingo, com o clássico entre Bahia e Vitória pelo Campeonato Baiano.

Mais conteúdo sobre:
futebolCopa 2014Fonte Nova

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.