Róbson Fernandes/AE - 18/04/2011
Róbson Fernandes/AE - 18/04/2011

Fora da Sul-Americana, Ilsinho não abre mão de estender contrato até 2012 no São Paulo

Diretoria tricolor ofereceu novo acordo com o meia até o fim desta temporada

O Estado de S. Paulo

08 de agosto de 2011 | 17h43

SÃO PAULO - Reserva no São Paulo, Ilsinho admite que ficou de fora da Copa Sul-Americana por conta da renovação de contrato. Em sua segunda passagem pelo Morumbi, o meia não aceita a proposta da diretoria de renovar apenas até o fim deste ano.

"A gente conversou até mesmo antes do jogo contra o Avaí. Era uma situação delicada, e, se eu fosse inscrito e depois não renovasse, eles teriam queimado uma inscrição. Disse que não estou aqui para atrapalhar e que eles poderiam ficar à vontade para me deixar fora da lista", disse Ilsinho, em entrevista à Rádio Estadão ESPN.

O jogador, que vem sendo pouco aproveitado no elenco tricolor, quer um novo contrato com validade até fim de 2012. "Acho que esta será uma semana chave para o acerto. As bases salariais seriam a mesmas. Não se mexeria em números, mas em tempo de contrato. Há alguns problemas particulares que tive, então são coisas que a gente precisa sentar e conversar", disse ele. "Gostaria muito de renovar, mas acho não poderia deixar o São Paulo nem meus problemas pessoais na mão."

O contrato atual de Ilsinho com o São Paulo, segundo a CBF, se encerra no dia 19 deste mês e, caso haja acordo, ele poderá ser inscrito na segunda fase da Sul-Americana. Além do meia, ficarão fora dos confrontos com o Ceará os atacantes Willian José e Henrique.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.