Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Fora de convocação da Colômbia, Borja reforça Palmeiras para o mata-mata

Atacante não vai defender a seleção em data Fifa e ficará livre para atuar pelo clube no Estadual

Redação, O Estado de S. Paulo

11 de março de 2019 | 17h04

O atacante Miguel Borja, do Palmeiras, poderá disputar as quartas de final do Campeonato Paulista pelo clube. Como o jogador não foi convocado nesta segunda-feira para defender a Colômbia em amistosos na data Fifa do fim deste mês, estará disponível para ser escalado pelo técnico Luiz Felipe Scolari para a disputa da fase decisiva do Estadual.

O técnico da Colômbia, o português Carlos Queiroz, convocou nesta segunda-feira 23 jogadores para amistosos contra Japão e Coreia do Sul em Yokohama e Seul, respectivamente. Apesar do treinador ter vindo ao Brasil semanas atrpas e conversado tanto com Borja como Felipão, optou por chamar para as partidas nomes como Falcao García, Zapata, Muriel e Morelos.

Apesar de Borja não ter sido convocado, outros dois atletas palmeirenses serão desfalque durante a participação nesses amistosos. O goleiro Weverton foi chamado por Tite para amistosos contra Panamá e República Checa, além do zagueiro Gustavo Gómez ter sido convocado pelo Paraguai para atuar em encontros contra México e Peru, nos Estados Unidos.

Como Deyverson está suspenso, Borja tem sido o atacante escalado nas últimas partidas da equipe. O colombiano atuou em 2019 em nove partidas, com três gols marcados. Líder do grupo B, com 19 pontos, o Palmeiras pode confirmar a classificação à fase seguinte do Estadual já na próxima rodada, quando enfrenta o São Paulo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.