Forlán diz que desentrosamento afetou estreia no Inter

Após a sua aguardada estreia, o atacante Diego Forlán evitou fazer uma avaliação sobre o seu desempenho no empate por 0 a 0 com o Vasco, sábado, no Beira-Rio, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro, mas reconheceu que a falta de entrosamento com os companheiros afetou a sua atuação.

AE, Agência Estado

29 de julho de 2012 | 08h09

Forlán foi titular diante do Vasco, deu dois chutes a gol e foi substituído aos 22 minutos do segundo tempo. Agora, espera evoluir nos próximos jogos pelo Inter. "Me senti bem fisicamente, mas ainda tenho que conhecer melhor os companheiros. Tenho que trabalhar mais", afirmou o atacante uruguaio.

Após vitórias sobre Atlético Goianiense e Figueirense, o Inter sofreu o primeiro tropeço sob o comando de Fernandão na noite de sábado. Para o treinador, o time sentiu o cansaço ao disputar duas partidas por semana. Ele, porém, não considerou o resultado ruim.

"A sequência de jogos acabou pesando um pouco. Erramos muitos passes. O empate acaba sendo de bom tamanho, pois o Vasco é uma equipe muito forte e competitiva. Agora temos uma semana para trabalhar para o jogo contra o Palmeiras", avaliou Fernandão.

Com o empate de sábado, o Inter está com 23 pontos no Campeonato Brasileiro, na quinta colocação, mas ainda pode ser ultrapassado neste domingo pelo Cruzeiro. A equipe volta a entrar em campo no próximo sábado, quando vai duelar com o Palmeiras na Arena Barueri.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.