Fortaleza e Macaé vencem e lideram na Série C

Com vitórias, equipes encaminham suas classificações à Série B

AE, Agência Estado

28 de setembro de 2013 | 21h13

SÃO PAULO - O Fortaleza venceu o Luverdense por 2 a 1, neste sábado à tarde, no Estádio Presidente Vargas, na capital cearense, pela 16.ª rodada da Série C do Campeonato Brasileiro. Com isso, além de retornar ao G4, zona de classificação, assumiu a liderança provisória do Grupo A, com 30 pontos. No Grupo B, o Macaé bateu o Crac por 2 a 1 e lidera com 28 pontos.

A vitória do Fortaleza foi repleta de emoções. Saiu atrás, com um gol de Tozin, mas virou o placar no segundo tempo, com Assisinho, aos 15, e Eduardo Luiz, aos 46 minutos, portanto, nos acréscimos. A derrota deixou o time de Mato Grosso em quinto lugar, com 28 pontos.

Os outros quatro jogos do Grupo A serão realizados domingo e o Fortaleza pode ser ultrapassado. Brasiliense e Treze se enfrentam e têm 29 pontos cada um, enquanto o CRB, com 28, vai receber o Cuiabá, em Maceió. E até o Santa Cruz, sexto, com 26 pontos, pode alterar o panorama da tabela desde que em casa, no Estádio do Arruda, vença o Sampaio Corrêa, sétimo colocado, com 25 pontos.

MACAÉ NA PONTA - Aproveitando o fator casa, o Macaé venceu o Crac por 2 a 1 e chegou aos 28 pontos. O time fluminense foi favorecido pelo empate do Mogi Mirim, por 1 a 1, com o Madureira, no interior paulista. O Mogi é o vice-líder, com 27 pontos.

Na briga direta contra o descenso, o Barueri venceu o Duque de Caxias por 3 a 2, na Arena Barueri. Mesmo assim, o time paulista ainda é o lanterna, com 13 pontos, e o time fluminense é o penúltimo colocado, com 15. Neste momento, ambos seriam rebaixados para a Série D. O Madureira tem 18 pontos, em sétimo, e o Crac é o oitavo, com 15 pontos.

Mas a briga pelo G4 deve ter modificações no domingo. O Caxias, terceiro colocado, com 25 pontos, vai receber o Vila Nova-GO, quarto colocado, com 23. E quem fica de olho neste resultado é o Guarani, quinto, com 23 pontos, e que recebe o Betim, sexto, com 18.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.