Fortaleza empata com o Fluminense

O Fluminense voltou a decepcionar sua torcida no Campeonato Brasileiro ao empatar com o Fortaleza, por 1 a 1, no Maracanã, neste sábado à tarde. Depois de perder para o Criciúma, por 2 a 0, na estréia da competição, o Tricolor repetiu os mesmos erros das últimas partidas e não conseguiu sua primeira vitória no nacional. O Fluminense começou muito mal a partida. As broncas do técnico Renato Gaúcho, durante a semana, pareciam não ter surtido efeito entre seus comandados. O Fortaleza estava mais organizado em campo e assustava com mais perigo o gol adversário. O atacante Clodoaldo ditava o ritmo do Fortaleza. Dos seus pés saíam as grandes jogadas do time cearense. O Fluminense dependia do meia Carlos Alberto, mas este não apresentava o bom futebol de outros jogos. Aos 43 minutos, quando a torcida do tricolor carioca começava a vaiar sua equipe, veio o castigo para a má atuação. Clodoaldo cobrou uma falta e o zagueiro Fernandão marcou de cabeça. No segundo tempo, o Fluminense voltou disposto a mudar o placar. Logo no primeiro ataque, Carlos Alberto tocou para Ademílson, que sofreu pênalti. Alex Oliveira cobrou com displicência e o goleiro Jefferson defendeu. A perda da penalidade, porém, não desanimou o Tricolor, que continuou buscando o empate. Aos 14 minutos, o Fluminense teve êxito num lance semelhante ao do gol adversário. Eduardo bateu uma falta e Rodolfo, de cabeça, igualou o marcador. A pressão carioca continuou, mas somente por alguns minutos. Isto porque Rodolfo e Erandir se agrediram e foram expulsos. O Fortaleza ainda teve duas boas oportunidades. Em ambas, o goleiro Kléber salvou.Ficha Técnica Fluminense: Kléber; Jancarlos, César, Rodolfo e Jadílson (Léo Inácio); Marcão, Djair (Júnior César), Alex Oliveira (Eduardo) e Carlos Alberto; Ademílson e Marcelo. Técnico: Renato Gaúcho. Fortaleza: Jefferson; Erandir, Fernandão, Ronaldo Angelin e Chiquinho; Dude, Wendell (Lau), Wesley (Alyson) e Sérgio; Calmon e Clodoaldo (Fabrício). Técnico: Ferdinando Teixeira. Gols: Fernandão aos 43 minutos do primeiro tempo; Rodolfo aos 14 minutos do segundo tempo. Árbitro: Wallace Nascimento Valente (ES) Cartão vermelho: Rodolfo e Erandir Cartão amarelo: Ronaldo Angelin, Wendell, Marcão, Carlos Alberto, Jefferson, Dude, César, Wesley, Jancarlos, e Chiquinho. Renda e público: Não divulgados Local: Maracanã, hoje.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.